É SEGURO FAZER HIPNOSE?

Em teatros e bares do mundo inteiro, curiosos se reúnem para assistir a misteriosos (e tipicamente divertidos) shows de hipnose.

Durante esses espetáculos, a audiência tem o prazer de assistir coisas como “os escolhidos” onde realizam estranhas proezas do suposto subconsciente — como cacarejar em círculos como galinhas, adormecer aleatoriamente, rir histericamente sem nenhuma razão aparente… 

Existem três tipos de pessoas na multidão:

  • Aqueles que são hipnotizados pelo ato.
  •  Aqueles que cruzam os braços em descrença.
  • Aqueles que olham para os lados, se perguntado, o que está acontecendo? A hipnose é real? A hipnose funciona?

Se você está lendo este artigo agora, nosso palpite é que você esteja entre a pessoa descrente e a pessoa se perguntando, a hipnose é real?

Aqui está um fato— a hipnose é real.

Alguns espectáculos de hipnose no palco são realmente uma farsa, criados para vender bilhetes. Será que isso prova que a hipnose não é real? Claro que não!

Existem vários especialistas em todo o mundo que verdadeiramente dominam a arte da hipnose e a utilizam como cura. Mas calma, já vamos lá.

Hipnose existe mesmo e na verdade, você entra neste estado no mínimo duas vezes ao dia.

Como a hipnose funciona?


Nós sabemos que para aqueles que se perguntam “a hipnose é real?” uma simples resposta “sim” não vai ser o suficiente.

Então, vamos ser técnicos.

Para obter uma explicação mais científica, confira nosso artigo em inglês, How Does Hypnosis Work? (The Science Behind The Magic).

O estado hipnótico existe entre a consciência desperta e o sono. Cientistas usam EEG (Eletroencefalograma) para medir o estado de consciência através de ondas cerebrais.

As ondas cerebrais estão categorizadas em 5 grupos baseados na frequência (do mais alto para o mais baixo):

Gama (acima de 40 Hz) — A onda introspectiva

Beta (14 – 40 Hz) — A consciência vigilante e a onda da razão

Alfa (7.5 – 14 Hz) — Onda de relaxamento profundo

Theta (4 – 7.5 Hz) — A meditação e a onda adormecida

Delta (.5 – 4 Hz) — A onda do sono profundo

 As altas frequências são associadas à um estado alerta de alta intensidade, enquanto frequências mais baixas são relacionadas com o relaxamento.

Durante a consciência vigilante normal nossos cérebros estão tipicamente funcionando em frequência beta. Conforme entramos em sono profundo, nossas ondas cerebrais descem até o delta (inconsciência).

A magia da hipnose é que ela baixa nossas ondas cerebrais da frequência beta para um intermediário, entre o alfa e o theta — entre a consciência e a inconsciência. Dentro destas ondas cerebrais intermediárias, o subconsciente se expressa através de emoções e imagens vívidas.

Como a hipnose cura


No estado de hipnose, o subconsciente está aberto, focado e altamente suscetível.

Leituras de EEG mostram que realmente podemos entrar em estado de hipnose (de várias intensidades) várias vezes ao longo do dia. Não apenas antes de cair num sono profundo e antes de acordar, mas também enquanto sonhamos acordado, se perdendo em um livro ou mesmo enquanto fazemos algo repetitivo como voltar do trabalho para casa.

Sabe aquela sensação de estar tão entretido em um livro ou filme que o mundo a sua volta deixa de existir e você perde a noção do tempo? Esse é um estado de hipnose. Certamente você deve estar familiarizado com esse estado de fluxo de uma maneira ou outra.

Certo, mas o hipnotismo é verdadeiro?


Então, a hipnose é real?

Sim, como vimos ela é um verdadeiro estado da mente.

Mas e o hipnotismo é real? É possível que este estado seja intencionalmente induzido?

Essas pessoas que cruzam os braços em descrença, dizendo à seus amigos que tudo não passa de uma encenação, talvez tenham razão. Talvez eles nunca tenham sido capazes de serem hipnotizados, por isso acreditam que seja uma farsa.

Isso faz todo o sentido.

Se você não acredita que pode ser hipnotizado, você está certo. Não pode.

O hipnotismo dos palcos é real?

Você só pode ser hipnotizado se estiver aberto para isso. Caso contrário, você bloqueia essa capacidade. Isto é bom, porque não queremos ser hipnotizados por qualquer pessoa na rua.

Isto pode tornar a hipnose de palco um pouco complicada.

Enquanto algumas pessoas no palco estão inevitavelmente atuando, outras estão realmente em estado de hipnose.

O hipnotismo é real

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

X